O intra-empreendedorismo é um “empreendedorismo corporativo”, uma abordagem empreendedora para a resolução de problemas dentro da empresa, com o objectivo de aumentar a motivação das pessoas e favorecer o alcance de resultados positivos, concretos e mensuráveis na produtividade e na inovação. Tudo começa com um boa gestão de recursos humanos e com a optimização das competências dos funcionários, sem comprometer as metas de produtividade formais, estabelecidas com a hierarquia.

Para criar uma cultura de intra-empreendedorismo na sua empresa, siga os seguintes passos.

1. Promova uma cultura de flexibilidade

As empresas já com alguns anos de operação não podem ser tão inovadoras como as startups, mas podem modernizar-se ou eliminar processos burocráticos.

2. Examine capacidade para assumir riscos

Com uma maior cultura de empreendedorismo, surgem também mais riscos (sobretudo financeiros) para a empresa, que por sua vez deve ver se está preparado para os enfrentar.

3. Esteja atento às tensões internas

Boas ideias podem muitas vezes ser estragadas devido a más relações entre colegas dentro de uma empresa. Os gestores de topo devem promover internamente uma política de empreendedorismo.

4. Crie uma equipa especializada

A inovação dentro da empresa tem de ser alimentada continuamente. Criar uma unidade interna de intra- empreendedorismo permite ter um fluxo de novas ideias.

5. Encoraje o processo

O empreendedorismo corporativo acontece muitas vezes quando alguém consegue inovar um produto ou serviço. É importante estar sempre a pensar na próxima inovação.

6. Estabeleça uma estrutura formal de intra-empreendedorismo

Pode passar por dar aos colaboradores tempo do seu dia de trabalho para trabalharem em ideias criativas, ao mesmo tempo que criam uma estrutura formal para que essas ideias sejam aproveitadas,

7. Valorize os inputs dos colaboradores

Vale a pena encorajar os colaboradores de todas as hierarquias da empresa, sem excepção, a contribuir para o processo de intra-empreendedorismo.

8. Tenha uma carreira interna para os empreendedores

Por norma, os empreendedores não gostam de empregos administrativos e convencionais, por isso a empresa deve ter mecanismos para promover e premiar a inovação interna.

9. Combata o medo do fracasso

Mesmo as boas ideias nem sempre chegam a bom porto. As empresas devem estar preparadas para lidar com os aspectos menos positivos do intra-empreendedorismo: projectos falhados, conflitos internos, riscos financeiros.

Leave a comment